Se Ainda Falo de Amor...
 
 
J.J. Oliveira Gonçalves
 
Se ainda falo de Amor e continuo
A dedilhar na Lira o Sentimento
Que ao tempo em que me dói é meu alento...
E se em teu coração eu me insinuo
 
É que poeta eu sou, ah, de outra Era
Onde o Amor reinava soberano!
Sei: hoje, esse Querer é ledo engano
Sinônimo de Ausência... de Quimera!
 
É frágil borboleta o pobre Amor
E apesar da Beleza dura pouco...
E desse (des)encanto eu canto a Dor:
 
Daquela que ficou - lá no passado...
De tanto amá-la, vede: fiz-me louco
E o verso meu saudoso e machucado!
 
Porto Alegre, 29 de outubro/2007. 19h22min - HS
jjotapoeta@yahoo.com.br - www.jjotapoeta.art.br
 
 
...............
 
 
Lembrança de Amar...
 
 
Anna Paes

Fácil, tão fácil dizer!
Ficou no passado...
Mas me encantam teus versos melodiosos
Chamando-me: tua rainha!

Sim, tivemos um lindo amor!
Dura ainda, tão silencioso...
Segredado, pecaminoso aos  olhos outros
Terno e puro para nós!

Quem dera esta borboleta
caísse por terra, desfalecida, inerte...
Deixando-me livre, afinal!

Anna Paes
29/10/2007
Brasília - DF - 20h30

 
 
 Amigos / Anna Paes / Boa noite, Amor! / Duetos e Tercetos / E-books / Livro de Visitas

 
 
 
® Anna Paes
Direitos Reservados
© - 2000/2007
Todo o conteúdo deste site está protegido pela Lei dos Direitos Autorais de
19 de Fevereiro de 1998


Graphics Anna Paes
Tubed by Internet
copyright 2000/2007

Please do not tear or rip apart my works.
Não use o meu trabalho sem consentimento
 
 
 
 
 
 
 

 

 

 
 
 
 
 

 

 
 
 
 
 
 
 
.:.
 
http://www.anna.paes.nom.br

©AnnaPaes®
.:.
 
 
 
 
 
 
 
 

 

 

__._,_.___