Poesia & Art

Oscilação
Anna Paes

 
Sinto-me perdida entre as folhas secas
deste outono que chegou tão rapidamente.
Minha mente oscila num vazio constante e incoerente,
sem a tua presença envolvente e quente.
São noites sem luar e com estrelas sem brilho algum a povoar.
Pela manhã, quando o sol nasce,  a esperança não renasce,
então, vejo-te em um sonho-devaneio de tormentas vagas
que, desfilam criteriosas num amanhecer solitário e gelado.
Para correrem pelo dia afora
e adormecerem nas sombras pela noite fria,
sem ti...
Senti!
 
 
Todos Direitos Reservados
 



 

 

 

Arte by Paola Caumo
Copyright © 2006 Poesia & Art - Todos direitos reservados | Web Designer Paola Caumo