In (Vento)

Armand Duval

 

Vento de outono,

Folha sem dono,

Rolando ao léu .

Vento na vela

Barco que leva

Ao desconhecido cais.

Vento que varre os amores,

E me deixa cheio de ais.

 

In (vento) um lugar,

Que o vento não levou,

Para nos  encontrar.

Vento me traz notícias,

Vento me fala das delicias.

Vento  traz seu cheiro,

Vento, meu amigo,

Leva-me pra encontrar contigo.

 

Armand Duval

 

 

Música ao Vento

Anna Paes

 

Vento encrespa ondas do mar,

Desalinha meu cabelo,

Ateia o fogo do meu coração,

Traz até mim tua voz, a  lamentar.

Sopra frio o vento

Murmurando uma canção,

Passam por mim todas as estações:

As brisas da primavera,

Carregando o perfume das flores,

O vento leve do outono,

 A levar as folhas secas,

Leva consigo minhas dores.

Vento frio de inverno,

Gemem as árvores despidas.

Minha alma é invadida,

Por uma saudade sem dono.

Ventanias de verão,

Acompanhado das águas,

Vento que irradia paixão,

Leva pra sempre minha mágoas.

 

Vento, tu que andas pelo mundo,

Tanta coisa já levou...

Traz  pra mim meu amor

 

Março-2007

Brasília

 

 
Respeite os Direitos Autorais
Kitaro - Linden

 


http://www.anna.paes.nom.br
http://poesiaeart.sites.uol.com.br
http://diariogeral.zip.net
©AnnaPaes®

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 

 

 

 

 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
.